STARTUP CARIOCA AARIM CRIA ASSISTENTE VIRTUAL QUE AUTOMATIZA VENDAS VIA WHATSAPP

Plataforma é a primeira a oferecer experiência de compra 100% dentro do aplicativo

No Brasil, segundo dados do IBGE, 95% das pessoas que possuem celular utilizam aplicativos de mensagens, inclusive no trabalho. Com o crescimento dessa poderosa ferramenta de comunicação, ela passou a ser também uma grande aliada nos negócios. Os cariocas Lucas Angi, de 25 anos, e Victor Coutinho, de 26 anos, amigos de infância apaixonados pelo empreendedorismo, viram nesse segmento uma oportunidade. Nasceu assim o Aarim, primeira plataforma de vendas 100% no WhatsApp.

Lançado em 2019, o Aarim funciona como um marketplace dentro do WhatsApp, onde é possível encontrar restaurantes, farmácias, mercados, pet shops, marcas de vestuário esportivo, entre outros tipos de serviços. Mais do que uma plataforma de delivery, é um assistente virtual que possibilita que a jornada de compra do usuário seja feita integralmente pelo aplicativo de mensagens, desde o primeiro acesso, passando pelo pagamento e indo até a finalização do pedido. É possível
ainda fazer agendamentos e programar take away, funcionalidades que otimizam a experiência de compra.

WhatsApp

Realizar o pedido é muito simples. Basta enviar uma mensagem para o número (21) 96744-6767. O cliente automaticamente recebe uma resposta do bot Gênio Aarim que inicia a comunicação. Ao informar seu nome, CEP e dizer o tipo de serviço que procura, o usuário recebe uma lista com as opções de estabelecimentos mais próximas do seu endereço. Na sequência o
bot envia o catálogo de produtos, o cliente escolhe seu pedido por mensagem de texto ou áudio e o pagamento é feito diretamente por um link, gerado pela Stone, ou no ato da entrega.

“Erro humano, atraso no atendimento, desorganização dos pedidos, desconhecimento do cliente e falta de clareza na gestão de resultados são alguns dos problemas que podem surgir com uma certa frequência para quem vende pelo WhatsApp. É neste cenário que o Aarim surgiu, para proporcionar mais controle, segurança, agilidade e tecnologia ao empresário”, explica o CEO e cofundador da marca, Victor Coutinho.

Com a pandemia da Covid-19 e a necessidade de empresas aderirem ao delivery para se manterem ativas, em 2020 os sócios viram o negócio explodir, uma vez que as vendas por WhatsApp se tornaram uma saída econômica e prática para quem não possui site ou aplicativo de e-commerce. Com a ajuda do Aarim centenas de pequenas e médias empresas passaram a vender online. “No início da pandemia chegamos a ser o principal canal de vendas de uma grande marca de comida japonesa no Rio
de Janeiro, correspondendo a um share de mais de 35% dos pedidos”, revela Victor.

Em pouco mais de 2 anos de atividade a empresa já conta com mais de 600 negócios cadastrados no seu marketplace e cerca de 3.000 unidades já com contrato fechado. Entre os diferenciais, além do pagamento direto dentro da conversa do WhatsApp, estão também a possibilidade de integração com sistemas de gestão de pedidos no ponto de venda e suporte na área de
logística, quando o estabelecimento não conta com entregadores próprios. A plataforma oferece ainda uma equipe de atendimento disponível 12 horas por dia em todos os dias do ano. Aliado a isso, ela ainda serve como ponte entre o cliente e o estabelecimento, permitindo que os lojistas tenham acesso aos dados de seus usuários, facilitando a identificação do
perfil do cliente e a utilização dessa informação para trabalhos de reativação e remarketing.

Com o amadurecimento da plataforma, em 2021 surgiu o AWL, Aarim White Label, segmento que permite a personalização do assistente virtual para empresas de diferentes segmentos. No AWL a comunicação com o cliente corresponde à identidade da marca: foto e bio personalizada, linguagem e vocabulário próprio, além de um número de contato exclusivo. Diversas
empresas já aderiram ao AWL como a pizzaria delivery Forneria Original, hamburgueria B, de Burger, lojas de conveniência AmPm, lojas oficiais do Flamengo, o Grupo Trigo (Spoleto, Koni e Gurumê), entre outros.

Aarim

Em sua breve trajetória a empresa já alcançou reconhecimento. Em 2019, o Aarim foi selecionado para o WebSummit e ficou entre as 18 melhores startups em um dos maiores encontros sobre tecnologia, negócios e inovação do mundo. Com base no Rio de Janeiro, seus planos para o futuro incluem expandir a atuação para todo território nacional. Para isso quer
investir no uso de inteligência artificial para a interpretação e captura de pedidos por meio de linguagem natural. Ou seja, a frase “Boa noite, eu gostaria de uma pizza grande de calabresa!” passa a ser uma sentença que é transformada automaticamente em pedido. “Queremos revolucionar e democratizar a maneira como as pessoas compram online”,
aposta o CEO.

Victor Coutinho (CEO), Lucas Angi (CFO) & Otávio Henrique (COO)-Foto:Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *