Saiba quais foram as bebidas que mais fizeram sucesso no Carnaval de 2020

Destilados  com frutas foram as bebidas mais pedidas na folia deste ano


Conhecida como a maior festa de rua do planeta, o Carnaval brasileiro reúne, a cada ano, milhões de pessoas nas ruas de diferentes cidades do país. Segundo dados divulgados pelo Ministério do Turismo, somente em 2020, as cidades de Olinda, Recife, Salvador e Rio de Janeiro receberam cerca de 22.5 milhões de pessoas durante esse feriado.

Mais um Carnaval passou e, com ele, foliões fantasiados, desfilando em avenidas e blocos de rua, devidamente munidos de muita purpurina e drinks. Apesar da cerveja e da caipirinha continuarem sendo as bebidas campeãs do país (e não só durante o período de folia), a cada ano, o gosto dos foliões apresenta novidades.

Em 2020, os drinks que misturavam mais de uma bebida alcoólica, e contavam com pelo menos uma fruta, foram os destaques da festa. Confira abaixo quais deles fizeram mais sucesso neste ano e podem voltar com força nas próximas celebrações carnavalescas.

Catuçaí

O nome “catuaba” se refere a uma planta de pequeno porte. Já o drink de mesmo nome é feito à base de vinho tinto misturado a guaraná, maçã e marapuama — um tipo de cipó que cresce na Amazônia e tem propriedades afrodisíacas. Entre os fatores que explicam a popularidade da catuaba, especialmente nos Carnavais de rua do Brasil, estão o preço baixo — cerca de R$ 12 a garrafa — e a doçura.

Recentemente, a bebida ganhou um acompanhante que vem arrematando os foliões pelas ruas: o açaí. Originária da Amazônia, essa fruta é rica em antioxidantes, nutrientes e carboidratos. Sendo digerido rapidamente pelo organismo, o açaí é estratégico para quem precisa de energia para se esbaldar nos blocos de rua.

Sacolé

Conhecido como “sacolé”, no Rio de Janeiro, e “geladinho” ou “chup-chup” em São Paulo, esse drink gelado é super prático e um sucesso nos Carnavais de diferentes lugares do país. Geralmente feitos de frutas, os sacolés tem um sabor mais doce e costumam ser produzidos por quem quer ganhar uma graninha durante a folia.

Uma receita clássica é o sacolé feito de cachaça misturada a frutas como manga, coco, morango, maracujá e limão. Outra opção é misturar o álcool com alguns doces, como Nutella e paçoca. Envoltos em um plástico, os geladinhos alcoólicos precisam, apenas, de um pequeno furo em sua embalagem para serem consumidos, garantindo a praticidade e a segurança dos foliões.

Spritz

Popular nos verões europeus, especialmente na Itália, o Spritz é um aperitivo alcoólico refrescante e suave, cuja origem se deu na região de Veneto, em 1800. A bebida é feita de aperol, aperitivo italiano produzido com ingredientes como a laranja-azeda, a genciana e a quinquina.

Além do aperol, o Spritz é feito de prosecco, água com gás e fatias de laranja — para realçar o sabor e dar um visual mais colorido ao drink. Para quem deseja se manter mais hidratado, com um sabor suave, a Spritz pode ser uma boa pedida.

Gin tônica

Cada vez mais requisitada em bares no país, a gin tônica vem conquistando cada vez mais fãs durante o Carnaval. A receita clássica, gin misturado a água tônica, limão-siciliano e gelo, ganha novas versões no calor da festa. Uma delas é a adição de suco de tangerina à receita tradicional.

Outra opção é adicionar ervas e temperos à gin tônica, tais como hortelã, alecrim e manjericão. Também é possível substituir o limão por outras frutas, como o morango, a laranja e a uva. O segredo de uma boa gin tônica é caprichar em gelos grandes, de modo a garantir a refrescância e preservar o sabor por mais tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *