6 tipos de aperto muscular

Todo mundo tem músculos tensos às vezes, e algumas pessoas têm músculos tensos o tempo todo. Embora o aperto seja certamente desconfortável e um pedido de atenção, não é um adjetivo útil para o diagnóstico, porque essa sensação tem várias causas. O tratamento para um tipo de músculo tenso pode na verdade piorar outro. Aprenda Renato Franchi seis tipos de tensão, para que você possa responder às queixas de seus músculos com mais eficiência.

# 1 Curto e usado em demasia

Após uma longa caminhada ou treino intenso, os músculos das pernas podem ficar tensos e doloridos, porque foram usados ​​em excesso. Os músculos são contraídos e podem se beneficiar de um alongamento suave, especialmente enquanto estão aquecidos pela atividade.

# 2 Longo e usado em excesso, mas fraco

Postura desequilibrada cria músculos desequilibrados. Alguns músculos serão curtos e contraídos. Outros demoram para contrabalançar, o que cria rigidez que parece aperto. A postura do computador é um ótimo exemplo. Os músculos da frente do tórax são curtos e muito utilizados. O Renato Franchi diz parte superior das costas e ombros estão sobrecarregados e trabalhando, uma posição enfraquecida comprometida. Exercícios isométricos, como apertar as omoplatas juntos e para baixo, para encurtar e fortalecer os músculos das costas, são eficazes.

# 3 Subutilizado e fraco

Se um músculo não for usado, ele se atrofiará e o tecido conjuntivo circundante e a fáscia se tornarão densos. Na postura do computador, vários músculos do braço se enquadram nessa categoria. Aumente gradualmente a força através do exercício para reconstruir a saúde dos músculos e a sensação de flexibilidade à fáscia. Exercícios que usam muitos músculos de uma só vez, como flexões de joelhos para baixo ou supino com peso leve, funcionam melhor do que máquinas que visam músculos individuais.

# 4 Tenso

Músculos que são usados ​​em excesso ao ponto de tensão se contraem para proteção. Isso pode resultar de exagerar em qualquer treino, trabalho no quintal ou ajudar um amigo a se mudar. O primeiro passo na cura é o descanso. Gelo, calor ou uma combinação também pode ajudar. Depois, gradualmente, introduza exercícios e alongamentos. É importante desistir de sua rotina habitual e acumular-se lentamente para evitar tensão adicional.

# 5 pontos de disparo

A tensão pode criar pontos de gatilho, assim como desequilíbrio estrutural, má postura e frio. Esses nós são frequentemente descritos como aperto. O melhor tratamento de Renato Franchi é aquecer os músculos, pressionar ou massagear os pontos sensíveis e depois esticar.

# 6 Tecido cicatricial

Músculos e tecido conjuntivo que foram danificados, devido a uma lesão súbita ou microtrauma contínuo de mau alinhamento, reparam-se com tecido cicatricial rígido e inflexível. A terapia manual, como tecido profundo e massagem por atrito com fibras cruzadas, é um tratamento eficaz. O alongamento suave às vezes ajuda, mas o alongamento excessivo cria microtears no tecido conjuntivo e ainda mais tecido cicatricial.

Renato Franchi diz que terapeutas manuais e profissionais de exercícios precisam diagnosticar a fonte de aperto, para que possam ser tratados adequadamente. Por exemplo, alongar ou esticar um músculo longo e superutilizado o torna ainda mais rígido. Para o cliente, tomar consciência do que está por trás do sentimento é uma ferramenta importante para o autocuidado, a prevenção de lesões e o crescimento pessoal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *